Últimas Notícias

ABES Santa Catarina ganha programa Jovens Profissionais do Saneamento 

Agora a ABES Santa Catarina (ABES-SC) também conta com um  programa Jovens Profissionais do Saneamento, cuja implantação era aguardada com bastante expectativa no estado, segundo Andreia May, Presidente da Seção. A engenheira participou da reunião que deu início às atividades do JPS-SC, realizada em 7 de novembro, na sede da ARIS, em Florianópolis.

“Foi uma grande satisfação poder partilhar da alegria dos jovens. Grandes ideias surgiram neste primeiro momento e com certeza o JPS-SC trará excelentes resultados para a engenharia sanitária e ambiental de Santa Catarina”, destaca Andreia.
 
O JPS Santa Catarina- SC tem como coordenadores, Lucinara Moreira Floriano, consultora em Segurança do Trabalho e Gestão Ambiental na empresa Easeg Consultoria, e o engenheiro Ambiental, Willian Goetten (adjunto). 
 
Lucinara Moreira Floriano conta que a ideia para criar o grupo ocorreu após o 30º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental. Com apoio do  coordenador nacional do JPS, Álvaro Diogo Teixeira, e da Presidente da seção catarinense da ABES, Andreia May. “Após algumas conversas, informações e levantamento de interessados, surgiu o convite para a coordenação dos trabalhos do JPS/SC”, diz. 


A coordenadora lembra que neste meio tempo foi apresentada ao jovem Willian Goetten.  “Ele também tem um visão esplêndida do potencial que temos em nosso estado. Temos o papel agora de difundir ainda mais o programa, que é de extrema importância para todos os profissionais e futuros profissionais do saneamento”, frisa Lucinara. “Teremos grandes desafios pela frente. Com todo potencial profissional, conhecimento e troca de experiências, é certeza que alcançaremos grandes objetivos”, finalizou.
 
Willian Goetten ressaltou a importância da criação do programa no em Santa Catarina para aumentar o debate sobre o tema, assim como auxiliar os jovens profissionais para entrada no mercado de trabalho e trazer avanços para o estado. “No atual momento do saneamento no país, é fundamental que tenhamos espaços para fomentar discussões sobre temática, assim como impulsionar o debate técnico sobre o assunto. Tão importante quanto isso, é inserir os novos profissionais  da engenharia sanitária e ambiental no contexto atual, assim como auxiliá-los na preparação para o mercado de trabalho”, enfatiza o jovem profissional. “Instalar o núcleo JPS em Santa Catarina irá proporcionar esse elo entre o dia-a-dia do saneamento do país e novos profissionais do segmento. Pessoalmente, fico muito feliz em fazer parte desse momento histórico. Tenho certeza que o JPS-SC irá fortalecer as ações da ABES no nosso estado”, conclui.  


A segunda reunião do JPS-SC foi realizada nesta quarta, 20 de novembro.  O intuito, segundo Lucinara,  é trazer mais membros interessados e começar as estratégias de atuação.
 

Sobre o JPS

O Jovens Profissionais do Saneamento é um programa de desenvolvimento contínuo, criado pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental em 2010, que tem como objetivo despertar habilidades e lideranças entre os jovens que atuam em saneamento, e promover o debate de temas atuais relacionados ao setor de Saneamento e Meio Ambiente. O JPS está presente em quase todos os estados brasileiros.

O JPS proporciona aos seus integrantes ações como suporte à publicação de artigos técnicos para apresentação em congressos, divulgação de cursos, participação em eventos, promoção de visitas técnicas e palestras sobre o setor, com o objetivo de aprimorar o conhecimento acadêmico dos jovens e promover uma rede de relacionamento.

A participação no programa é gratuita. Para fazer parte do JPS-SP, entre em contato pelo e-mail: jps@abes-sp.org.br .

Para saber como participar do programa em outros estados, acesse a página dos Jovens Profissionais do Saneamento (aclique aqui).

 
“No atual momento do saneamento no país, é fundamental que tenhamos espaços para fomentar discussões sobre temática, assim como impulsionar o debate técnico sobre o assunto. Tão importante quanto, é inserir os novos profissionais  da engenharia sanitária e ambiental no contexto atual, assim como auxiliá-los na preparação para o mercado de trabalho. Instalar o núcleo JPS em Santa Catarina irá proporcionar esse elo entre o dia-a-dia do saneamento do país e novos profissionais do segmento. Pessoalmente, fico muito feliz em fazer parte desse momento histórico, tenho certeza que o JPS-SC irá fortalecer as ações da ABES no nosso estado.”

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: