Últimas Notícias

ABES lança Brazil Water Week, evento internacional que transformará São Paulo na capital mundial da água, de 28 a 30 de outubro de 2020

Por Suely Melo

A Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES lançou nesta quinta, 5 de dezembro, a Brazil Water Week, evento internacional que será realizada em São Paulo, no Memorial da América Latina, de 28 a 30 de outubro de 2020. O evento, cuja primeira edição intitulada Rio Water Week aconteceu no Rio de Janeiro, em 2018, reunirá especialistas de vários países para debater o tema água em seus vários aspectos, sempre baseados pelo ODS 6 da ONU: Água e Esgoto para Todos até 2030. O lançamento, que ocorreu na sede da ABES-SP, foi feito pelo Presidente nacional da entidade, Roberval Tavares de Souza, para um auditório lotado, composto por diretores das ABES, Sabesp (Paulo Massato e Edison Airoldi) e AESabesp, além de associados e outros convidados. Acesse aqui a galeria de fotos do evento.

O Presidente da ABES-SP, Márcio Gonçalves, abriu o evento dando às boas-vindas aos presentes ”na “casa do saneamento”, lembrando que os associados da ABES têm diversos benefícios e vantagens e que as Câmaras Técnicas da seção são abertas a todos os interessados (associados e não associados). “Vocês sairão daqui com uma missão de levar essa grande novidade da ABES em 2020 para os seus locais de trabalho, por onde vocês circulam, nas empresas. 

 

O embaixador da BWW e embaixador da iniciativa, Carlos Alberto Rosito, destacou a parceria “muito especial” com a ABES-SP para a realização do evento na capital paulista. Rosito avaliou o desafio para conseguir atrair os parceiros internacionais na primeira realização, em 2018, e a nova edição. Não tínhamos na ABES uma tradição de internacionalidade, mas agora foi o contrário. Eles é que tem nos procurado para saber do evento: o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), por exemplo, o Banco Mundial. Não tivemos que vender o peixe desta vez. Já está vendido”, comemorou. “Vamos ter uma BWW muito fortificada porque tudo que a ABES faz em São Paulo é potencializado”, finalizou Rosito.

A apresentação sobre a configuração do grandioso evento foi realizada por Roberval Tavares de Souza, que começou sua explanação lembrando que a ideia era criar um evento sobre água que fosse similar aos que acontecem no mundo em países como Canadá e Singapura. Frisou que “do ponto de vista estrutural da ABES, a BWW é o seu terceiro produto, um evento internacional criado, para correr o Brasil a cada dois anos, com o objetivo de trazer a comunidade internacional para a ABES”, ressaltou Roberval. “É motivo de orgulho ter a BWW em São Paulo”, disse. O primeiro produto da entidade é o Congresso, o maior e mais qualificado do setor no Brasil, e o segundo é o PNQS (Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento), o único voltado para o saneamento no mundo. 

Espaço Água

Com expectativa de receber 2000 pessoas, a BWW não contará com feira de negócios, segundo o Presidente da ABES, mas contemplará uma agenda social, com o Espaço Água – uma exposição interativa e de educação ambiental aberta à visitação do público e voltada à conscientização da sociedade sobre os temas do saneamento e meio ambiente. “Será um espaço visitado pela comunidade para que ela se envolva nas questões da água. A ideia é ter as empresas patrocinadoras expondo a sua marca e ao mesmo tempo realizando algo dedicado à sociedade”, explicou Roberval. “Alguns players que não são do saneamento, como bancos, se interessaram em participar. Isso é muito interessante”, disse. Ainda no âmbito da agenda social, foi fechada também, de acordo com ele, uma parceria com a Praça das Artes, complexo cultural, que promove apresentações e exposições ligadas à música, dança, teatro e artes plásticas. “É importante encaixar a sociedade porque ao envolvê-la estaremos contribuindo para a melhoria das condições urbanas de São Paulo”, enfatizou.

Fórum Mundial da Água

O evento contará com algumas agendas paralelas. Uma delas é a reunião sobre o Fórum Mundial da Água, que será realizado em Dakar, no Senegal, em 2021. “Desta forma, vamos trazer integrantes do Fórum para participarem da BWW”, frisou. O coordenador de da Câmara Temática da ABES de comunicação no Saneamento, Dante Ragazzi Paulli, integra o Conselho do Fórum.

II Seminário Internacional de Perdas

Outra agenda paralela, de acordo com Roberval, é a realização do II seminário Internacional de Gestão de Perdas e Eficiência Energética. “O primeiro aconteceu em 2016, com 8 especialistas internacionais, e deu muito certo. Esperamos repetir a dose”, sublinhou e finalizou a apresentação ressaltando que o evento já conta com apoio institucional da Prefeitura e do Governo de São Paulo.

CT Perdas

Durante o evento foi lançada a Câmara Técnica de Gestão de Perdas e Eficiência Energética da ABES-SP, que será coordenada por Carlos Berenhauser (diretor da seção) e Luiz Roberto Gravina Pladevall (vice-presidente).

 

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: