Últimas Notícias

CT Qualidade de Produtos Químicos: avançando na discussão durante o Congresso com foco na segurança da água

Maria Cristina Coimbra Marodin e Vasti Ribeiro Facincan, coordenadora e coordenadora-adjunta da Câmara Temática de Qualidade de Produtos Químicos – CTQPQ, contam ao site da ABES  e ao boletim ABES Acontece sobre a programação da CT para o maior Congresso do setor na América Latina:

ABES Acontece – Quais são as atividades da Câmara programadas para o Congresso?

Maria Cristina e Vasti – Como nos anteriores, a CTQPQ marcará presença no 28º Congresso com a realização da Mesa Redonda denominada “PRODUTO QUÍMICO CONTROLADO – ÁGUA MAIS SEGURA: O que mais pode ser feito?”, cujo objetivo é evoluir no processo de avaliação de conformidades da qualidade dos produtos químicos utilizados em tratamento de água, frente aos requisitos da NBR 15.784, aprimorando as ferramentas hoje utilizadas, com foco na tão almejada segurança da água consumida pela população brasileira.
ABES Acontece – Como vocês veem a escolha dos temas para o Congresso no momento de crise hídrica do país?

Maria Cristina e Vasti – O tema é muito pertinente e de elevada relevância para o momento que estamos vivendo e para os enormes desafios que o Setor está enfrentando. Entendemos que, para o contexto que se apresenta, discussões exaustivas e abertas sobre o assunto são fundamentais. Só assim poderão surgir soluções criativas e adequadas, e também definidas as estratégias necessárias para as devidas implementações.
Consideramos que a escolha da temática deste 28º Congresso demonstra que a gestão atual da ABES está de fato “antenada” com as necessidades do Setor, sendo este evento de grande valor por abrigar essa discussão, oportunizando uma reflexão mais profunda sobre a questão da escassez hídrica, que tanto tem impactado nosso Pais, e porque não dizer, o mundo.
ABES Acontece – O que vocês esperam das discussões do Congresso? Como potencializar essas discussões na agenda da Câmara, da ABES e do setor saneamento?

Maria Cristina e Vasti – Entendemos que qualidade e quantidade são dois conceitos que não podem ser desagregados, principalmente no caso da água para consumo humano. É inócuo se ter abundância de água para este fim, se esta não se apresentar dentro dos padrões requeridos para potabilidade. Por outro lado, também não adianta ter água com qualidade adequada ao consumo, se ela for escassa e não puder garantir o suprimento das necessidades mínimas da população.
Assim, ao propor a temática da CTQPQ, pretendemos contribuir para a discussão desse importante tema escolhido para o 28º Congresso da ABES, trabalhando fatores envolvidos na segurança da água consumida em nosso País.
Esperamos que, dos produtos advindos das discussões do Congresso, as ações do Setor para o enfrentamento da crise sejam harmonizadas e melhor orquestradas, visando a otimização e a eficácia dos resultados almejados.

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: