Últimas Notícias

JPS-SP participa de atividade promovida pelo Fórum Mundial da Água

O coordenados do JPS-SP, Thomas Ficarelli (ao centro), com seu grupo, durante atividade do Fórum Mundial da Água

O coordenador do programa Jovens Profissionais do Saneamento da ABES Seção São Paulo (JPS-SP), o geógrafo Thomas Ficarelli, participou, nesta segunda, 21 de agosto, de uma atividade sobre recursos hídricos realizada pelo Fórum Mundial da Água, na sede da Sabesp, em São Paulo.

Durante o evento preparatório para a oitava edição do maior encontro global sobre água, foram apresentados os seis eixos temáticos e os três eixos transversais que serão discutidos no Fórum, que correrá em Brasília/DF de 18 a 23 de março de 2018. Saiba mais aqui.

Em um segundo momento, de acordo com Thomas, foram formados grupos para discutir as principais questões, eu seus pontos de vista, relacionadas aos recursos hídricos no Brasil. No total, três grupos com sete pessoas, cada, participaram da atividade. Antes da formação dos grupos, cada pessoa elencou 5 problemas que consideram prioritários na área para em seguida, juntos, debater formas de como trabalhá-los. “No meu grupo, trabalhamos a questão da gestão integrada das bacias hidrográficas, o saneamento inclusivo – considerando áreas rurais e favelas, a questão do uso racional da água e as tecnologias de otimização de consumo e de tratamento, a educação ambiental e financeira para o uso da água – essa parte comportamental e cultural -, e a restauração ecológica”, conta o coordenador do JPS-SP.

“Cada grupo se manifestou e depois houve uma discussão no âmbito de todos os grupos, ao mesmo tempo. Foi agradável. Meu grupo era bastante diversificado de profissionais e locais onde trabalham. Foi bastante enriquecedor”, diz Thomas.

O geógrafo chama a atenção, ainda, para um tema que foi discutido durante uma palestra. A questão do saneamento, apontada como a principal da Região Sudeste e que está intimamente ligada à questão urbana, segundo ele. “É a região mais urbana do Brasil. Mas não basta resolver o problema na cidade, também tem as áreas rurais e todas a áreas naturais que precisam ser integradas nessa gestão”, finaliza Thomas Ficarelli.

Leia também:

CongressoABES/Fenasan2017: presidente nacional da ABES entrega convite ao governador de São Paulo

 

 

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: