Últimas Notícias

ABES Conecta: especialistas discutem a crise hídrica no Paraná em meio à pandemia

Promovido pela ABES Seção Paraná, evento virtual trata sobre a as consequências da estiagem e as medidas para garantir segurança hídrica no estado.

Por Murillo Campos

Os impactos da crise hídrica no Paraná em meio à pandemia. Esse foi um dos assuntos abordados em webinar do programa ABES Conecta, nesta terça-feira, 30 de junho, promovido pela ABES Seção Paraná, em parceria com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). Reveja a transmissão completa.

O presidente da ABES-PR, Luiz Henrique Bucco, apresentou na abertura o projeto “Covid-19 e agora”, que tem como objetivo elaborar material de apoio e informativo para instituições e sociedade dentro dos quatro pilares do saneamento: resíduos sólidos, esgoto, água e drenagem.

Sob o tema “Situação de Emergência Hídrica: gerenciamento, participação e controle”, os especialistas abordaram o cenário de seca, as interferências no clima, as consequências e a importância da gestão participativa para garantir a segurança hídrica, principalmente, neste momento crítico de estiagem e coronavírus. A moderação foi realizada por Cleverson Andreoli, do ISAE Escola de Negócios.

“Temos que buscar a sustentabilidade. Parar de ver o sustentável como custo, mas sim como resultado econômico, e a recuperação das cidades passa por esse caminho”, comentou o Prof. PhD Carlos E. M. Tucci, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). O professor abordou em sua palestra a gestão de recursos hídricos e mecanismos para prevenção dos riscos das mudanças climáticas no Brasil.

Arlan Scortegagna, hidrólogo e pesquisador do Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná), tratou sobre as medidas implantadas para o monitoramento hidrometeorológico, envolvendo equipamentos de alta tecnologia e campanhas para subsidiar a tomada de decisões sobre a seca. “Tudo isso se encaixou dentro da atuação operacional da Simepar no enfrentamento da crise hídrica”, ressaltou.

Júlio César Gonchorosky, diretor de Meio Ambiente e Ação Social da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), exibiu os impactos da crise hídrica no abastecimento de água no estado. Segundo ele, a conservação dos mananciais é fundamental para superar estes problemas. “A estratégia correta é termos um movimento para preservar a Serra do Mar, só assim a gente garante água para Curitiba em quantidade e qualidade”, declarou Gonchorosky.

Ao fim, foi lançada a campanha “Covid Água – uma ação de todos“, com o intuito de trazer diferentes hábitos para uso consciente e racional da água.

A transmissão ainda sorteou mais duas bolsas de estudo entre associados da ABES para o Curso Livre de Capacitação em Saneamento Ambiental, promovido em parceria entre associação e Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP). Ao todo, serão 30 bolsas disponibilizadas nos eventos do ABES Conecta.

ABES Conecta:

Mais um produto de sucesso da associação, o programa ABES Conecta, que disponibiliza conteúdo qualificado em webinares gratuitos e cursos pagos sobre os temas mais relevantes do setor de saneamento e meio ambiente, já conta com mais de 50 mil visualizações em suas transmissões online.

Clique aqui para conhecer nossas Câmaras Temáticas. Ainda não é um associado da ABES? Clique aqui e junte-se a nós!

As opiniões emitidas neste evento não exprimem, necessariamente, a visão da ABES.

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: