Últimas Notícias

ABES na CNN: pesquisa aponta concentração recorde de covid-19 em esgotos do RJ

Estudo “Monitora Corona” é fruto de uma parceria da ABES-RJ com a Cedae, Poli UFRJ, ENSP, Fiocruz e outras instituições.

No dia 13 de maio, a CNN divulgou o resultado do estudo Monitora Corona, que mede a concentração do Sars-Cov-2 nos esgotos da Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O relatório apontou um aumento de mais de 15% na média móvel da concentração viral em nove das dez estações de tratamento da região mais populosa do estado, em relação ao último boletim, concluído há duas semanas. O trabalho é fruto de uma parceria da ABES-RJ com a Cedae, Poli UFRJ, ENSP Fiocruz e outras instituições.

O estudo ressaltou ainda que é “o pior cenário já registrado em seis meses de monitoramento, com praticamente todos os pontos indicando máximas históricas de concentração do vírus”. Para o presidente da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária (Abes-Rio), Miguel Fernández, os altos índices de Covid-19 nos esgotos do Rio devem se refletir em um maior número de casos da doença. Ele diz, no entanto, que a vacinação pode frear esse movimento. 

“A alta concentração de coronavírus encontrado nos pontos de monitoramento está ligada ao aumento no número de pessoas infectadas. Nós tivemos os maiores registros, isso é um dado muito significativo. Temos que observar agora o sistema de saúde. Se não tiver aumento nos casos, isso significa que a vacina está sendo eficaz em evitar o agravamento dos sintomas”, destacou Fernández. 

A notícia ganhou destaque e foi classificada como a mais lida da semana pelo portal CNN. Acesse a reportagem e leia na íntegra.

Para acompanhar os relatórios atualizados do Estudo acesse o site neste link.

Fonte: ABES-RJ

 

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: