Últimas Notícias

Inovação no saneamento ambiental: um dos temas debatidos no 31º Congresso da ABES

Especialistas apresentaram tendências e tecnologias que facilitam o desenvolvimento da inovação nas empresas do setor de saneamento.

Por Equipe de Comunicação ABES

“Inovação no Saneamento Ambiental: gerando Valor, Sustentabilidade e Competitividade” foi tema de um dos painéis realizados, no dia 19 de outubro, durante a 31ª edição do Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental e FITABES 2021 – Feira Internacional de Tecnologias de Saneamento Ambiental. Confira o álbum de fotos (oficial) aqui e do público aqui.

A moderação do debate foi realizada por Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, que deu início ao evento agradecendo a ABES: “Falar sobre inovação aqui é uma prova de que ela deve estar em todos os segmentos. Quero parabenizar especialmente ao presidente da ABES, Alceu Guérios Bittencourt e a Selma Cubas, da ABES Paraná, pela realização deste encontro, que é um sonho adiado desde 2019”.

Em sua palestra, Henrique Vasquez Féteira do Vale, gerente do Departamento de Química, Metalurgia e Materiais da Financiadora de Estudos e Projetos – FINEP, destacou: “Inovar por si só já é algo altamente desafiador. No caso do Brasil, demanda que as empresas sejam ambidestras, uma mão resolve os incêndios e a outra participa de um ecossistema de inovação e traça medidas de longo prazo. Fazer as duas agendas andarem ao mesmo tempo é um desafio enorme”, lembrou.

 

Rodrigo Regis de Almeida Galvão, diretor de Negócios e Inovação do Parque Tecnológico Itaipu, abordou empreendorismo, economia, ambiente institucional, tendências para o futuro, tecnologias disruptivas, entre outros tópicos. “Precisamos entender o papel de cada um neste ecossistema e o papel do parque tecnológico é desenvolver, estimular, integrar instituições de ensino, empresas e órgãos governamentais”, destacou.

“Estava com saudade desse ambiente de troca, de co-construção”, mencionou Gustavo Rafael Collere Possetti, gerente da Assessoria de Pesquisa e Desenvolvimento da Companhia de Saneamento do Paraná – Sanepar, ao abrir sua palestra. O executivo falou sobre a inovação para sustentabilidade, a inovabilidade aplicada ao setor de saneamento a partir das experiências da Sanepar.

Eder Sá Alves Campos, diretor de Clientes, Inovação e Serviços da Iguá Saneamento, também parabenizou a organização do congresso: “Este é um importante fórum de troca. Temos que olhar o mundo”. O executivo salientou que a Iguá foi pioneira na inovação aberta no saneamento, em 2018.

A apresentação do painel foi realizada pelo coordenador adjunto da Câmara Temática de Tecnologia da Informação e Inovação da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES, Pierre Siqueira.

 

O 31º Congresso da ABES, o mais importante evento de saneamento ambiental do Brasil, foi realizado entre os dias 17 a 20 de outubro, em formato híbrido: presencialmente, no Expo Unimed Curitiba, na capital paranaense, e virtualmente, em plataforma digital. Esta edição do encontro teve como tema central “Cidades Inteligentes conectadas com o saneamento e o meio ambiente: desafio dos novos tempos”. Algumas atividades foram abertas ao público e transmitidas pelo canal da ABES no YouTube. Acesse aqui.   

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

 

 

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: