Últimas Notícias

31º Congresso ABES:  painel do JPS aborda o legado do Prêmio Jovem da Água de Estocolmo 2021

Encontro destacou a importância de incentivar os jovens para empenharem-se nos projetos em prol da pesquisa científica na área ambiental.

Por Equipe de Comunicação ABES

O Programa Jovens Profissionais do Saneamento (JPS) promoveu o painel “O Legado do Stockholm Junior Water Prize Brazil 2021” (Prêmio Jovem da Água de Estocolmo), em 19 de outubro, no 31º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental e Fitabes 2021 – Feira Internacional de Tecnologias de Saneamento Ambiental.  Confira o álbum de fotos (oficial) aqui e do público aqui.

O encontro online foi apresentado por Witan Silva, engenheiro e coordenador nacional do JPS, com participação de Gabriel Fernandes, vencedor do SJWP 2021; Victor Gustavo Diniz Silva, finalista do SJWP 2019/2021; Maria Goretti Cabral, professora e orientadora; Renata Ruggiero Moraes, diretora presidente do Instituto Iguá e Rosangela Melatto, mentora do SJWP e presidente da ABRAPS (Associação Brasileira dos Profissionais pelo Desenvolvimento Sustentável).

 

O estudante Gabriel Fernandes contou que o gosto por criar veio desde a infância e seu avô foi um dos seus incentivadores para que ele fizesse pesquisas científicas. Desde a vitória, no Prêmio Jovem da Estocolmo, seu projeto faz parte da política pública do estado de Santa Catarina e, a partir disso, começou a participar de reuniões para que o seu projeto seja aplicado nas empresas

Victor Gustavo Diniz Silva, vice-campeão da premiação com o projeto “Avaliação do uso de fibra vegetal oleofílica na coleta de óleo derramado em ambientes aquáticos”, juntamente com Ariel Rodrigues Sousa dos Santos, contou que hoje consegue visualizar que seu projeto seja produzido e implantado.

Maria Goretti comentou sobre a relação aluno-professor, a importância das feiras de ciências nas escolas para incentivar a pesquisa científica e a formação de novos cientistas.

Renata Ruggiero Moraes, diretora presidente do Instituto Iguá, discorreu sobre o prazer de apoiar a premiação e incentivar novas ideias. Destacou o Instituto Iguá como um catalisador para dar destaques às iniciativas com boas práticas ambientais.

Rosangela Melatto falou sobre o processo de capacitação e de preparo dos estudantes para a premiação.

O coordenador nacional do JPS, Witan Silva, citou sobre a importância da atividade que o JPS promove no Brasil: “foi emocionante ver o trabalho do JPS contribuir na mudança de vida de tantos estudantes, professores e famílias, em prol da educação e a prática da ciência juvenil brasileira”, declarou.

O 31º Congresso da ABES, o mais importante evento de saneamento ambiental do Brasil, foi realizado entre os dias 17 a 20 de outubro, em formato híbrido: presencialmente, no Expo Unimed Curitiba, na capital paranaense, e virtualmente, em plataforma digital. Esta edição do encontro teve como tema central “Cidades Inteligentes conectadas com o saneamento e o meio ambiente: desafio dos novos tempos”. Algumas atividades foram abertas ao público e transmitidas pelo canal da ABES no YouTube. Acesse aqui.   

Este slideshow necessita de JavaScript.

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: