Últimas Notícias

Fechamento do Lixão de Brasilia é destaque em publicação da ONU sobre gestão dos resíduos como serviço essencial para a America Latina

A Organização das Nações Unidas (ONU), por meio do Programa para o Meio Ambiente, divulgou o documento “A gestão dos resíduos como serviço essencial para a America Latina”. No item 1 – Fechamento progressivo dos lixões, cita o fechamento do Lixão da Estrutural em Brasilia (agora Aterro Sanitário do Distrito Federal, localizado em Samambaia) como exemplo do que vem acontecendo na região.

“O fechamento progressivo de aterros é um imperativo na região da América Latina e Caribe, onde cerca de 145.000 toneladas de lixo municipal (30% da geração total) ainda estão destinados a aterros, queimadas ou outras práticas inadequadas. É essencial acelerar a remoção de aterros sanitários e substituí-los por práticas e métodos de gestão eficazes de eliminação. O custo da inação em termos de saúde, impacto meio ambiente e desenvolvimento pode variar de cinco a dez vezes maior que o custo do gerenciamento adequado de resíduos. Atualmente, estão sendo realizado intervenções importantes para o fechamento de aterros na região, como o fechamento do Lixão estrutural em Brasília, o segundo maior do mundo”, diz o trecho da publicação. Acesse aqui o documento.

 

 

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.