Últimas Notícias

32º Congresso da ABES: debates promovem conhecimento e reflexão

Desenvolvimento operacional dos sistemas de abastecimento, agenda regulatória e crescimento da participação privada no setor são destaques no segundo dia (23 de maio) do mais importante evento de saneamento ambiental do Brasil, no Expominas, em Belo Horizonte/MG.

O 32º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental (CBESA) – o Congresso da ABES, realizou seu segundo dia de trabalhos no Expominas, em Belo Horizonte, Minas Gerais, na terça-feira, 23 de maio. Os participantes tiveram uma experiência enriquecedora ao explorar uma variedade de tópicos relevantes para o setor, trazidos por especialistas e referências no campo. Durante os debates, foram abordados temas de grande importância, como a regulação da concessão e manejo de resíduos urbanos, a melhoria ambiental das bacias e as novidades da ABNT NBR 15784.

Aprofundadas, as discussões proporcionaram uma visão abrangente e atualizada do panorama da engenharia sanitária e ambiental, permitindo aos participantes obter conhecimentos valiosos e insights relevantes para suas áreas de atuação.

Promovida pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES, esta edição do mais importante evento de saneamento ambiental do Brasil teve como tema central “Saneamento ambiental: desafios para a universalização e a sustentabilidade”.

Os painéis foram divididos entre diálogos setoriais, sessões de câmaras temáticas e sessões com quatro eixos: esgoto, resíduos e economia circular, recursos hídricos e meio ambiente, e desenvolvimento operacional e inovação das empresas de saneamento.

O Congresso da ABES é o ponto de encontro do setor e dos sanitaristas do país e aconteceu de 21 a 24 deste mês, envolvendo a comunidade acadêmica, especialistas do setor e organizações parceiras brasileiras de outros países para discutir os temas mais relevantes em engenharia sanitária e ambiental em sua concepção mais ampla, abordando desafios, políticas públicas, soluções e tecnologia.

Cliqiue aqui e confira as imagens do evento

PAINEIS TEMÁTICOS

Desenvolvimento operacional e inovação nos sistemas de abastecimento de água

Eixo Desenvolvimento Operacional e Inovação nas Empresas de Saneamento

No painel moderado por Ricardo Röver Machado, coordenador da Câmara Temática de Gestão de Perdas e Eficiência Energética da ABES, o Congresso ABES 2023 debateu o desenvolvimento operacional e a inovação nos Sistemas de Abastecimento de Água.

A falta de acesso à água tratada afeta milhões de pessoas no Brasil atualmente. Diante desse desafio, o novo Marco Legal do Saneamento estabeleceu uma meta ambiciosa: até 2033, a expectativa é que 99% da população tenha acesso à água potável. Para atingir esse objetivo, é fundamental buscar soluções inovadoras e avançadas para os sistemas de abastecimento de água. O foco está na melhoria da disponibilidade e qualidade da água que chega às torneiras das pessoas, por meio da adoção de práticas sustentáveis e técnicas avançadas de tratamento. Um dos principais desafios enfrentados pelos serviços de abastecimento de água é garantir o aproveitamento eficiente desse recurso precioso. Isso envolve a busca por soluções que possam mitigar riscos relacionados à qualidade e quantidade da água tratada e distribuída.

Integraram o debate como palestrantes Alexandre Gomes de Souza, superintendente de Operações da Região Metropolitana de Goiânia da Saneago (Saneamento de Goiás); Leandro Alberto Novak, gerente de Desenvolvimento Operacional da Sanepar (Companhia de Saneamento do Paraná), e Cristiano Gonçalves N. Gouveia, superintendente de Gestão Operacional da Caesb (Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal).

Ricardo Röver enfatizou que a mesa contou com especialistas de diversas empresas de saneamento que já passaram e estão passando pela experiência de inovação e compartilharam muito conhecimento e soluções. “Para nós, ficou evidente a importância de nos aliarmos a IA, a gestão de BIG Data e outras tecnologias disponíveis para conseguirmos melhores resultados aplicados na gestão operacional do sistema de abastecimento, principalmente na redução de perda e eficiência energética”, destacou.

Alexandre Gomes de Souza o tema desenvolvimento operacional e inovação tecnológica ressaltou a importância do tema. “Se desenvolver operacionalmente significa ter perdas baixas. Hoje, no Brasil, conseguimos trabalhar com perdas abaixo de 10%, hoje acompanhamos dois casos de sucesso. Agora com a aplicação das novas tecnologias como IA, IOT, Internet das coisas e Big Data  podemos vislumbrar um futuro brilhante para o saneamento”, resumiu o especialista.

Diálogo Setorial 7: Agenda Regulatória

As normas de referência são responsáveis por estabelecer diretrizes e padrões que garantem a qualidade na prestação dos serviços, oferecendo segurança jurídica para a realização dos contratos. Diante desse contexto, a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) reestruturou a Agenda Regulatória, que tem como objetivo central a elaboração das normas necessárias para o aprimoramento do setor.

No “Diálogo Setorial 7: Agenda Regulatória”, o Congresso ABES 2023 abordou a temática, promovendo o diálogo sobre o desenvolvimento da Agenda Regulatória. Foram discutidos diversos aspectos relacionados, como a relação entre a ANA e as agências reguladoras subnacionais, a participação das entidades da sociedade civil nesse processo e a interação com a Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, responsável pela gestão das políticas públicas do setor no âmbito do Governo Federal.

Os palestrantes convidados para aprofundar o tema foram Mariana Schneider, coordenadora de Modernização e Governança Regulatória da ANA (Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico), Gustavo Zarif Frayha, diretor de Regulação Técnica e Fiscalização dos Serviços de Saneamento Básico da Arsesp (Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de São Paulo); Percy Soares, diretor-executivo da Abcon Sindcon (Associação e Sindicato Nacional das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto); e Aline Oliveira, coordenadora da Câmara Técnica de Regulação da Aesbe (Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento).

Marisa Guimarães, coordenadora da Câmara Temática de Regulação e Tarifa da ABES, moderadora do debate, destacou a importância do painel. “Falar sobre a Agenda Regulatória para o setor de saneamento do Brasil é essencial. Hoje, discutimos com entidades de múltiplas instâncias do saneamento brasileiro, um diálogo rico e diverso que contribuiu para chegarmos a um consenso: a agenda regulatória é um desafio. Colocar tudo em normas para que possam orientar o setor de saneamento para prestar um bom serviço é um desafio. Temos muito trabalho a fazer, ele precisa ser feito, mas esse trabalho é de uma complexidade enorme. Mas fazer esse tipo de discussão e troca nos ajuda a fortalecer e construir um caminho seguro  para que a gente possa fazer saneamento no Brasil com excelência e  serviços regulados de forma adequada”, comemorou.

Para Gustavo Zarif Frayha, é importante enfatizar que as normas de referência  que estão sendo feitas pela ANA são muito importantes. “Agências como a Arsesp tem dado todo o apoio para que sejam elaboradas boas normas e principalmente para que elas possam ser aplicadas em benefício do setor do saneamento, dos prestadores de serviços e dos usuários, que é a população em geral”, resumiu.

Diálogo Setorial 8: O crescimento da participação do setor privado na prestação de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário

O painel “Diálogo Setorial 8:O crescimento da participação do setor privado na prestação de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário”, realizado na terça-feira (23), no Congresso ABES 2023, abordou as diversas formas de contratação utilizadas pelas prestadoras privadas de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário, tais como contratos de concessão integral e parcerias público-privadas. O objetivo principal foi discutir as vantagens e desvantagens dessas diferentes formas de contratação, bem como explorar a visão das prestadoras privadas sobre o futuro do setor. O novo Marco Regulatório, que busca ampliar ainda mais a participação do setor privado, foi destacado como um dos propósitos dessa discussão.

Rogério Tavares, vice-presidente de Relações Institucionais da Aegea, trouxe sua expertise para o debate, enriquecendo as discussões com sua visão sobre as diferentes formas de contratação e as implicações dessas modalidades para o setor. Marilene Ramos, diretora de Relações Institucionais e Sustentabilidade da Águas do Brasil, contribuiu com sua visão sobre o futuro do setor, compartilhando perspectivas e destacando os principais desafios e oportunidades que se apresentam para as prestadoras privadas.

Roberto Muniz, diretor de Relações Institucionais e Sustentabilidade da GS Inima, trouxe sua experiência para abordar a convivência e a combinação de atuação entre os prestadores privados e públicos. Sua participação permitiu explorar as possibilidades de cooperação entre os dois setores, visando à eficiência e à sustentabilidade na prestação dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário.

“Este painel foi fundamental e deu um fechamento de outros painéis que ocorreram aqui onde os palestrantes trouxeram detalhes do novo marco regulatório do saneamento, de etapas que precisam ser esclarecidas não só pra população mas para os municípios que são o poder concedente, para ter segurança nessa transição é tão importante que nosso país está vivendo”, afirmou a moderadora Ana Elisabeth Carara, presidente da ABES Seção do Rio Grande do Sul.

Ela acredita que a questão do crescimento da participação do setor privado na prestação de serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário é uma situação delicada que conta com muitos desafios. “É uma situação complicada em várias regiões, então ficamos com a sensação de estarmos contribuindo nesse processo não só como uma associação sempre atenta à novidade, à tecnologia, mas também à questão social”, acrescentou.

“Universalização de fato: o que vale de agora em diante? Indicadores de gestão alinhados às normas de referência da ANA. O risco de medir mal e os impactos na avaliação da concessão”

Câmara Temática da ABES de Indicadores de Desempenho para Saneamento Ambiental e Câmara Temática da ABES de Prestação de Serviços e Relacionamento com o Cliente

Com as metas estabelecidas pelo novo Marco do Saneamento, surge a necessidade de definir e utilizar indicadores de gestão adequados para avaliar o progresso e garantir a qualidade dos serviços prestados. Durante o painel “Universalização de fato: o que vale de agora em diante? Indicadores de gestão alinhados às normas de referência da ANA – Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico. O risco de medir mal e os impactos na avaliação da concessão”, foram abordadas questões relacionadas aos indicadores de universalização da água e esgoto, bem como às normas de referência elaboradas pela ANA. Essas normas têm o objetivo de promover uma maior uniformidade nas informações e esclarecer as discussões sobre o que deve ser considerado na avaliação da universalização.

Além disso, o painel abordou a importância da eficiência e eficácia na prestação dos serviços de saneamento, levando em conta as necessidades e expectativas dos clientes, da sociedade e de seus representantes. Também foram discutidos os aspectos de sustentabilidade sob as perspectivas social, ambiental e econômico-financeira, a fim de garantir que os investimentos e ações realizados resultem nos impactos esperados.

O painel contou com as presenças de Cintia Leal Marinho de Araujo, superintendente de Regulação do Saneamento Básico da ANA, Gustavo Justino de Oliveira, professor de Direito Administrativo da USP (Universidade de São Paulo) e consultor do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) para Saneamento Básico, e Cíntia Vilarinho, especialista em regulação da LIS Water.

A mediação do debate ficou a cargo de Sandro Adriani Camargo, coordenador da Câmara Temática da ABES de Indicadores de Desempenho para o Saneamento Ambiental, enquanto Ernani Ciríaco de Miranda, especialista em Saneamento, e Juliana Almeida Dutra, coordenadora da Câmara Temática de Prestação de Serviços e Atendimento ao Cliente da ABES, atuaram como debatedores, enriquecendo as discussões com suas contribuições.

O painel proporcionou uma oportunidade para compartilhar experiências e perspectivas sobre a definição e uso adequado de indicadores de gestão no setor de saneamento. O objetivo principal foi buscar a qualificação desses indicadores para garantir uma avaliação precisa dos esforços de universalização, melhoria dos serviços e investimentos realizados.

“Quando a gente fala sobre esses indicadores pode parecer uma coisa simples mas na verdade é uma questão muito complexa. Existe uma construção da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) nas normas de referência pra orientar as agências infra nacionais, mas também temos uma boa parte de municípios que hoje nem tem agência prestando um serviço a eles, e estamos falando de mais ou menos 1500 municípios”, comentou Sandro Adriani.

Para ele, ainda temos muito a evoluir em relação à questão da medição da universalização, seja de água ou esgoto. “Estamos pensando aqui na evolução dos critérios que devem ser utilizados para que possamos ter uma comparação e possamos avançar na medição pra termos um pouco mais de certeza sobre os números que estamos construindo para o país. Nós vivemos em um país continental com muitas soluções, mas muitas vezes uma solução que é aplicada para uma região não é a mesma que deve ser aplicada em outra região, estado ou município”, acrescentou.

Universalização do Saneamento – o que a ABNT NBR 15784 traz de novidade para a proteção da saúde da população abastecida

Câmara Temática da ABES de Prestação de Qualidade de Produtos Químicos

Promovido pela  Câmara Temática de Prestação de Qualidade de Produtos Químicos da ABES, o painel “Universalização do Saneamento – o que a ABNT NBR 15784 traz de novidade para a proteção da saúde da população abastecida” trouxe uma perspectiva mais integral de que todos os atores envolvidos no saneamento são responsáveis e têm um papel a cumprir para que a população seja beneficiada.

Participaram os convidados Everton Melo dos Santos, diretor de Estudo e gerente Físico-Químico do Laboratório Brasil da NSF Internacional, Mercedino Carneiro Filho, assessor-técnico da Dryller Indústria e Comercio de Hidróxidos Ltda, e Marco Aurélio Venditti, gerente de Assistência Técnica da Bauminas Águas.

A coordenadora da Câmara Temática de Qualidade de Produtos Químicos da ABES, Maria Cristina Coimbra Marodin, também palestrou e dividiu a moderação com sua colega de Câmara, Vasti Ribeiro Facincani.

Segundo Cristina, a discussão em torno da universalização do saneamento foi uma construção de décadas. Quando o grupo se reuniu pela primeira vez, em 2004, ainda não havia esse senso de responsabilidade compartilhada. 

“Cada um estava preocupado com si. A gente começou com 92 pessoas pensando nesse assunto. Eram 60 fornecedores diferentes, de empresas de saneamento, laboratórios e universidades, com uma visão própria. Essa construção levou a um senso comum de que o objetivo final era a saúde da população. Assim como você bebe, eu bebo a mesma água, meus filhos e meus netos vão beber. Passou daquela visão de cada um cuida de si para uma compreensão mais holística de que somos responsáveis”, explicou.

A especialista acrescentou que o painel foi importante por trazer um “spoiler do que vai acontecer”. “A gente fica feliz de ver as pessoas se envolvendo, querendo evoluir dentro desse processo, a confiança que é criada entre os setores. São vários atores envolvidos, desde a área de saúde ao fornecedor do produto químico, ao laboratório que faz análise e também a quem está usando esse produto. Isso é uma cadeia, e cada um fazendo sua parte, a gente consegue proteger a saúde da população”, complementou.

Também membro da Câmara Temática de Qualidade de Produtos Químicos da ABES e moderadora da conversa, Vasti diz que o debate foi muito importante porque esmiuçou e respondeu a questionamentos sobre o que deverá ser feito a partir da publicação da NBR 15784. 

“O painel elucidou dúvidas a respeito do que vai vir em termos de mudança e o que devem fazer os fornecedores de produtos químicos para tratamento de água e os laboratórios que fazem avaliação dos produtos. Os escolhidos para sentar aqui estão desde o princípio dessa história, e isso passa a resposta de pessoas que têm experiência com o processo”, avaliou. Para ela, o ponto forte do debate foi saber dos passos para a confiabilidade dessa avaliação. “O processo está bem maduro nessa direção. O mais importante é o que vamos fazer daqui pra frente, temos um lição de casa, uma empreitada que era demanda e que agora é compulsória e reconhecida pelo Ministério da Saúde”, finalizou.

Young Connection For Today/Conexão Jovem para o Hoje

Jovens Profissionais do Saneamento-JPS

O programa Jovens Profissionais do Saneamento (JPS), ação de desenvolvimento contínuo da ABES, entrou em ação no segundo dia de trabalhos do Congresso ABES 2023 com o painel “Young Connection For Today/Conexão Jovem para o Hoje”. O debate mostrou o impacto real de lideranças jovens no setor.

A emergência climática exige ações com resultados práticos e imediatos. Nesse sentido, a busca pelos ODS é urgente, bem como seus resultados efetivos. Portanto, mudar o cenário atual está diretamente ligado a capacidade de dialogar, mobilizar e engajar a sociedade sensibilizando sobre o poder que cada indivíduo tem ao ser a “gota” que compõem a onda da mudança. O Painel Young Connection For Today representa uma iniciativa que busca discutir experiências, cases e ações lideradas por jovens, através do trabalho voluntário, pelo Mundo. O norte da discussão é: “como nos tornamos a gota que forma a onda?” – em alusão a capacidade que cada indivíduo tem de promover a mudança do local com efeitos globais.

Os convidados para falar sobre o assunto foram Federico Pesa, representante da Associação Interamericana de Engenharia Sanitária e Ambiental (AIDIS Jovem), Erleyvaldo Bispo, fundador da startup Águas Resilientes, Thiago Bressani Ribeiro, idealizador da Jornada Água, Saneamento e Juventudes, e Maria Fernanda Bentubo, coordenadora do JPS-SP, além de Rayssa Jacob, coordenadora do JPS-Rio, e Luan Oliveira, membro do JPS-Rio. A moderação ficou por conta de Witan Silva, coordenador Nacional do JPS.

Erleyvaldo considerou o painel um espaço privilegiado para engajar a juventude. “Nós estamos no 32º Congresso da ABES, um espaço que reúne diferentes pessoas, de diferentes setores e de diferentes backgrounds. Esse espaço nos permite dialogar com a juventude sobre água e saneamento, já que os desafios linkados a essas agendas no Brasil são enormes. Precisamos envolver a juventude para pensar em soluções, possibilidades e como de fato transformar esse setor e transformar toda a sociedade brasileira, que merece acesso a água e saneamento adequado”, avaliou.

Maria Fernanda conta que o encontro era muito esperado pelo grupo e todo o congresso. “O painel reuniu lideranças jovens de programas distintos, mas que se unem em propósito. É uma oportunidade de se conhecer pessoalmente e ter percepções de regiões distintas do país. É uma oportunidade de troca e de inspiração para ser jovem no setor de saneamento hoje”, afirmou.

Witan acrescentou que o painel revelou o potencial do impacto que o programa tem. “Somos o maior programa de lideranças jovens da América Latina. O programa promove integrações internacionais com países da América do Norte, América do Sul, continente africano, Europa e Austrália. Foi muito enriquecedor poder ouvir o exemplo desses jovens que representaram nossa juventude na Conferência da Onu, que atuam no desenvolvimento de tecnologias e que promovem, através do voluntariado, o engajamento de um setor que é efervescente em mudança, que revela uma rica diversidade que precisa ser expressa e entendida em todos os campos do saneamento”, explicou.

Para ele, a promoção da interlocução é um dos grandes desafios da área, o que ficou claro no painel. “Essa distância geracional e setorial precisa ser quebrada. É urgente uma chamada para formas de integração que identifiquem e agreguem essa diversidade. É inadmissível que a gente ainda persista em um setor tradicionalmente com comportamentos  machistas, com remunerações distintas entre homens e mulheres que desempenham a mesma função e estão nos mesmos cargos, ou que promovam qualquer tipo de segregação étnica e regional. Tornar o setor abrangente, diverso e equânime quanto ao acesso é fundamental. Acredito que esse foi um dos grandes chamados à juventude, para que a gente promova mais espaço, se integre e estabeleça um diálogo promotor dessa mudança”, concluiu.

Regulação e Concessão para Manejo de Resíduos Sólidos Urbanos

Eixo Resíduos e Economia Circular

O painel “Regulação e Concessão para o Manejo de Resíduos Sólidos Urbanos” contou com a moderação de Rodrigo Franco, subsecretário de Gestão Ambiental e Saneamento da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (SEMAD). Compuseram ainda a mesa Paulo Daroz, especialista em Regulação de Recursos Hídricos e Saneamento Básico da ANA (Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico), Thaís Vidal Saraiva,  advogada de Infraestrutura e Saneamento da Felsberg Advogados, Gustavo Gastão, diretor-geral da Agência Reguladora Intermunicipal dos Serviços de Saneamento da Zona da Mata e Adjacências (ARIS-ZM), e Silvano Silvério da Costa, do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) da Casa Civil da Presidência da República.

O moderador agradeceu à ABES pelo convite para participar do painel e destacou que as discussões foram extremamente enriquecedoras. “Foram abordados temas importantes para a regulação e concessão para manejo dos resíduos sólidos urbanos no Brasil. Onde temos um cenário vencedor com a PPI, a nível federal, que traz ótimos resultados para Minas Gerais, por meio dessa parceria com o Governo do Estado, através da SEMAD. Durante o painel, tivemos o tema das parcerias abordado sob a ótica da ANA, com a fala do Paulo Daroz, tivemos a grande experiência do Gastão, com a ARIS-ZM, que faz esse trabalho regional de regulação, e as colocações da doutora Thaís, que compartilhou sua relevante vivência jurídica. Destaco ainda a participação do auditório, que foi excepcional, fazendo perguntas inteligentes que contribuíram muito para enriquecer o debate. Acho que contribuímos com esse grande projeto, que é o 32º Congresso da ABES. Tanto Belo Horizonte, quanto Minas Gerais saem desse evento felizes com o grande trabalho realizado aqui nesse painel”, avaliou

Silvano Silvério disse que o painel discutiu com muita propriedade a importância das concessões comuns para resolver o problema da destinação adequada dos resíduos sólidos urbanos no Brasil. “Essa é uma alternativa importante, que garante a sustentabilidade econômica, a inclusão de catadores, e uma rota tecnológica mais completa”. E aqui discutimos também a necessidade da regulação e da fiscalização dos serviços. De forma geral, o painel serviu para apresentar a experiência de uma agência reguladora regional, a visão de uma advogada que atua na área, e a visão do governo federal, por meio da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico, e  do nosso PPI, que apoia a estruturação dessas concessões comuns no Brasil”, argumentou.

Melhoria Ambiental das Bacias Hidrográficas através da implementação de soluções baseadas na natureza

Eixo Recursos Hídricos e Meio Ambiente

O painel “Melhoria ambiental das bacias hidrográficas através da implementação de soluções baseadas na natureza” reuniu Flávia Carneiro, superintendente de Planos, Programa e Projetos da ANA (Agência Nacional de Água e Saneamento Básico), Carlos Nobre, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte, Adriana Francisca da Silva, analista Ambiental do Igam (Instituto Mineiro de Gestão das Águas de Minas Gerais), Mayná Coutinho, presidente do Comitê Guandu, e Alessandro de Oliveira Palhares, gerente da Unidade de Controle Ambiental da Copasa (Companhia de Saneamento de Minas Gerais).

De acordo com Josivan Cardoso Moreno, coordenador da Câmara Temática de Recursos Hídricos da ABES e moderador do painel, o encontro discutiu melhorias nas bacias hidrográficas com ações baseadas na natureza. Melhorias que foram demonstradas durante as palestras por meio dos projetos que estão sendo aplicados. O painel destacou que nem tudo exige tantas tecnologias avançadas para transformar e melhorar a qualidade dos nossos recursos hídricos. E que é possível executar programas baseados na própria natureza, que é quem faz de maneira correta.

“Tivemos a apresentação da Copasa, do Comitê Guandu, e da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico, que demonstrou o funcionamento do Programa Produtor de Águas. Contamos com importantes intervenções do Igam – que é o instituto aqui de Minas Gerais, e com a experiência do Rio Grande do Norte, que representado pela Secretaria de Recursos Hídricos, trouxe projetos que já estão colhendo resultados positivos na produção de água, conservação da natureza, das florestas e dos recursos hídricos”, avaliou.

Segundo ele, foi possível reunir no painel toda a diversidade regional do nosso país: representantes do Sul, Sudeste, Norte, Nordeste e Centro Oeste, discutindo programas e projetos baseados na natureza para trazer melhorias para o meio ambiente. Que é o que realmente precisamos”, completou.

Adriana disse que as soluções baseadas na natureza são um assunto bastante atual. “Temos vários projetos acontecendo no Estado de Minas Gerais, com a participação de várias instituições, todas alinhadas com o mesmo objetivo, que é a manutenção da qualidade dos recursos hídricos. Buscamos sempre políticas mais alinhadas entre as instituições, através dos acordos de cooperação. Debater esse tema tão importante permite descobrir em que nível está a atuação de cada instituição e assim alinhar os trabalhos para atingir os objetivos”, analisou.

123 Comentários em 32º Congresso da ABES: debates promovem conhecimento e reflexão

  1. Hi! Do you know if they make any plugins to safeguard against hackers? I’m kinda paranoid about losing everything I’ve worked hard on. Any tips?

  2. Thanks for the sensible critique. Me and my neighbor were just preparing to do a little research on this. We got a grab a book from our local library but I think I learned more clear from this post. I’m very glad to see such magnificent information being shared freely out there.

  3. One more thing I would like to say is that instead of trying to fit all your online degree training on days of the week that you complete work (since most people are fatigued when they come home), try to receive most of your instructional classes on the saturdays and sundays and only 1 or 2 courses in weekdays, even if it means a little time off your weekend break. This is beneficial because on the week-ends, you will be more rested and also concentrated in school work. Many thanks for the different points I have acquired from your web site.

  4. Wonderful blog! I found it while surfing around on Yahoo News. Do you have any tips on how to get listed in Yahoo News? I’ve been trying for a while but I never seem to get there! Thank you

  5. I’ve observed that in the world today, video games are the latest phenomenon with children of all ages. Often times it may be impossible to drag your family away from the video games. If you want the very best of both worlds, there are lots of educational games for kids. Good post.

  6. I?ll right away grab your rss feed as I can not in finding your e-mail subscription link or e-newsletter service. Do you have any? Please permit me understand in order that I could subscribe. Thanks.

  7. Amazing! This blog looks just like my old one! It’s on a entirely different topic but it has pretty much the same layout and design. Outstanding choice of colors!

  8. Hey! Someone in my Myspace group shared this site with us so I came to check it out. I’m definitely loving the information. I’m bookmarking and will be tweeting this to my followers! Fantastic blog and amazing design.

  9. certainly like your website however you need to test the spelling on several of your posts. Many of them are rife with spelling issues and I find it very bothersome to inform the truth however I?ll certainly come back again.

  10. Howdy! Do you know if they make any plugins to assist with Search Engine Optimization? I’m trying to get my blog to rank for some targeted keywords but I’m not seeing very good success. If you know of any please share. Kudos!

  11. Right now it sounds like Expression Engine is the preferred blogging platform out there right now. (from what I’ve read) Is that what you are using on your blog?

  12. I truly appreciate this post. I have been looking all over for this! Thank goodness I found it on Bing. You have made my day! Thx again

  13. This is really interesting, You are a very skilled blogger. I have joined your rss feed and look forward to seeking more of your fantastic post. Also, I have shared your site in my social networks!

  14. Thanks for your interesting article. Other thing is that mesothelioma cancer is generally brought on by the inhalation of material from asbestos, which is a positivelly dangerous material. It really is commonly witnessed among laborers in the building industry who definitely have long exposure to asbestos. It is caused by living in asbestos insulated buildings for long periods of time, Genes plays a huge role, and some people are more vulnerable towards the risk compared to others.

  15. Hi! I know this is somewhat off topic but I was wondering if you knew where I could get a captcha plugin for my comment form? I’m using the same blog platform as yours and I’m having difficulty finding one? Thanks a lot!

  16. Right now it appears like BlogEngine is the preferred blogging platform out there right now. (from what I’ve read) Is that what you are using on your blog?

  17. Thanks for your post made here. One thing I’d like to say is the fact most professional fields consider the Bachelor’s Degree like thejust like the entry level requirement for an online course. While Associate Certification are a great way to begin, completing your Bachelors reveals many doorways to various careers, there are numerous online Bachelor Diploma Programs available via institutions like The University of Phoenix, Intercontinental University Online and Kaplan. Another thing is that many brick and mortar institutions offer Online variants of their degree programs but usually for a significantly higher price than the corporations that specialize in online degree plans.

  18. Hey there! This is my first visit to your blog! We are a group of volunteers and starting a new initiative in a community in the same niche. Your blog provided us beneficial information to work on. You have done a marvellous job!

  19. Great ? I should certainly pronounce, impressed with your website. I had no trouble navigating through all tabs as well as related info ended up being truly simple to do to access. I recently found what I hoped for before you know it at all. Quite unusual. Is likely to appreciate it for those who add forums or something, web site theme . a tones way for your customer to communicate. Excellent task..

  20. Thanks for another informative site. Where else could I get that type of info written in such an ideal way? I’ve a project that I am just now working on, and I have been on the look out for such info.

  21. Another thing I’ve really noticed is the fact that for many people, low credit score is the response to circumstances over and above their control. As an example they may happen to be saddled through an illness so they really have high bills for collections. Maybe it’s due to a occupation loss or the inability to do the job. Sometimes divorce or separation can truly send the finances in a downward direction. Many thanks sharing your ideas on this blog.

  22. I do not even know how I ended up here, but I thought this post was great. I don’t know who you are but definitely you are going to a famous blogger if you are not already 😉 Cheers!

  23. One thing I want to say is the fact that before purchasing more pc memory, look into the machine in which it could be installed. If your machine is usually running Windows XP, for instance, the particular memory limit is 3.25GB. Putting in a lot more than this would purely constitute a waste. Be sure that one’s mother board can handle this upgrade quantity, as well. Thanks for your blog post.

  24. okmark your weblog and check again here frequently. I am quite sure I will learn a lot of new stuff right here! Best of luck for the next!

  25. Hello! Do you know if they make any plugins to help with Search Engine Optimization? I’m trying to get my blog to rank for some targeted keywords but I’m not seeing very good gains. If you know of any please share. Cheers!

  26. Many thanks for this article. I’d personally also like to state that it can end up being hard when you are in school and merely starting out to create a long credit ranking. There are many students who are only trying to survive and have a long or beneficial credit history can often be a difficult thing to have.

  27. Undeniably believe that that you said. Your favourite reason seemed to be on the net the simplest factor to have in mind of. I say to you, I certainly get annoyed while folks think about concerns that they just do not know about. You controlled to hit the nail upon the top as smartly as outlined out the whole thing without having side effect , other people can take a signal. Will probably be again to get more. Thanks

  28. I feel this is among the so much important info for me. And i am happy studying your article. However wanna remark on some normal issues, The website taste is great, the articles is actually great : D. Just right process, cheers

  29. you’re really a good webmaster. The site loading speed is amazing. It seems that you’re doing any unique trick. Furthermore, The contents are masterwork. you’ve done a excellent job on this topic!

  30. Simply wish to say your article is as astonishing. The clarity in your post is just spectacular and i could assume you are an expert on this subject. Fine with your permission let me to grab your RSS feed to keep updated with forthcoming post. Thanks a million and please keep up the gratifying work.

  31. I can’t express how much I appreciate the effort the author has put into producing this remarkable piece of content. The clarity of the writing, the depth of analysis, and the plethora of information offered are simply astonishing. His enthusiasm for the subject is apparent, and it has certainly resonated with me. Thank you, author, for offering your wisdom and enlightening our lives with this extraordinary article!

  32. Thank you for another magnificent article. Where else could anyone get that kind of information in such a perfect way of writing? I’ve a presentation next week, and I’m on the look for such info.

  33. What?s Happening i’m new to this, I stumbled upon this I’ve found It positively helpful and it has helped me out loads. I hope to contribute & help other users like its helped me. Good job.

  34. Thanks for your concepts. One thing I’ve got noticed is banks along with financial institutions have in mind the spending habits of consumers and as well understand that many people max out their cards around the holiday seasons. They wisely take advantage of that fact and begin flooding ones inbox in addition to snail-mail box with hundreds of 0 APR card offers just after the holiday season ends. Knowing that for anyone who is like 98 of the American public, you’ll hop at the one opportunity to consolidate consumer credit card debt and shift balances towards 0 rate credit cards.

  35. Almanya medyum haluk hoca sizlere 40 yıldır medyumluk hizmeti veriyor, Medyum haluk hocamızın hazırladığı çalışmalar ise papaz büyüsü bağlama büyüsü, Konularında en iyi sonuç ve kısa sürede yüzde yüz için bizleri tercih ediniz. İletişim: +49 157 59456087

  36. Pretty great post. I simply stumbled upon your weblog and wanted to say that I’ve really loved browsing your blog posts. After all I?ll be subscribing in your rss feed and I am hoping you write again soon!

  37. Hiya, I’m really glad I have found this info. Nowadays bloggers publish only about gossips and net and this is actually irritating. A good website with interesting content, this is what I need. Thanks for keeping this website, I will be visiting it. Do you do newsletters? Can’t find it.

  38. Wow that was odd. I just wrote an extremely long comment but after I clicked submit my comment didn’t show up. Grrrr… well I’m not writing all that over again. Anyway, just wanted to say great blog!

  39. F*ckin? tremendous things here. I am very glad to see your post. Thanks a lot and i am looking forward to contact you. Will you please drop me a e-mail?

  40. Hey! I just wanted to ask if you ever have any trouble with hackers? My last blog (wordpress) was hacked and I ended up losing many months of hard work due to no backup. Do you have any methods to stop hackers?

  41. Yet another thing I would like to state is that instead of trying to match all your online degree lessons on days that you finish work (because most people are tired when they go back home), try to have most of your sessions on the saturdays and sundays and only a couple courses on weekdays, even if it means a little time away from your weekend break. This is really good because on the saturdays and sundays, you will be a lot more rested and concentrated with school work. Many thanks for the different suggestions I have discovered from your website.

  42. Hey there! This is my first visit to your blog! We are a collection of volunteers and starting a new project in a community in the same niche. Your blog provided us useful information to work on. You have done a wonderful job!

  43. Excellent goods from you, man. I’ve have in mind your stuff prior to and you are simply extremely magnificent. I actually like what you have acquired right here, certainly like what you are stating and the best way during which you are saying it. You are making it enjoyable and you still take care of to stay it sensible. I cant wait to read far more from you. This is really a great website.

  44. Hey, I think your blog might be having browser compatibility issues. When I look at your blog in Chrome, it looks fine but when opening in Internet Explorer, it has some overlapping. I just wanted to give you a quick heads up! Other then that, terrific blog!

  45. I do enjoy the way you have presented this specific difficulty and it does indeed provide me personally a lot of fodder for consideration. Nonetheless, coming from just what I have experienced, I really trust as other opinions stack on that folks stay on point and not start on a tirade of the news of the day. All the same, thank you for this fantastic point and even though I can not really concur with this in totality, I respect the point of view.

  46. you are really a good webmaster. The web site loading speed is incredible. It seems that you’re doing any unique trick. Also, The contents are masterwork. you’ve done a magnificent job on this topic!

  47. Thanks for the concepts you write about through your blog. In addition, many young women exactly who become pregnant never even try and get medical care insurance because they are full of fearfulness they won’t qualify. Although many states today require that insurers offer coverage irrespective of the pre-existing conditions. Prices on these types of guaranteed plans are usually larger, but when thinking about the high cost of medical treatment it may be a new safer approach to take to protect one’s financial potential.

  48. Useful info. Lucky me I found your website by chance, and I am surprised why this twist of fate didn’t came about in advance! I bookmarked it.

  49. Very nice post. I just stumbled upon your weblog and wanted to say that I’ve really enjoyed browsing your blog posts. In any case I will be subscribing to your feed and I hope you write again soon!

  50. I would also like to add when you do not currently have an insurance policy or perhaps you do not belong to any group insurance, chances are you’ll well benefit from seeking the help of a health broker. Self-employed or those that have medical conditions ordinarily seek the help of one health insurance brokerage service. Thanks for your post.

  51. Appreciate you for sharing these kinds of wonderful threads. In addition, the ideal travel plus medical insurance strategy can often reduce those worries that come with touring abroad. A new medical crisis can before long become costly and that’s bound to quickly put a financial impediment on the family finances. Putting in place the perfect travel insurance program prior to setting off is worth the time and effort. Cheers

  52. Hey! This is my first comment here so I just wanted to give a quick shout out and tell you I genuinely enjoy reading your blog posts. Can you recommend any other blogs/websites/forums that cover the same subjects? Thanks!

  53. Fantastic blog! Do you have any suggestions for aspiring writers? I’m hoping to start my own site soon but I’m a little lost on everything. Would you suggest starting with a free platform like WordPress or go for a paid option? There are so many options out there that I’m totally confused .. Any suggestions? Kudos!

  54. According to my research, after a property foreclosure home is available at a bidding, it is common to the borrower to still have the remaining balance on the bank loan. There are many lenders who attempt to have all expenses and liens paid back by the following buyer. However, depending on certain programs, regulations, and state legal guidelines there may be a number of loans which are not easily sorted out through the switch of lending options. Therefore, the duty still remains on the consumer that has got his or her property foreclosed on. Many thanks sharing your opinions on this web site.

  55. Hiya, I’m really glad I have found this info. Today bloggers publish only about gossips and web and this is really frustrating. A good blog with interesting content, this is what I need. Thank you for keeping this website, I’ll be visiting it. Do you do newsletters? Cant find it.

  56. What?s Going down i am new to this, I stumbled upon this I have found It absolutely helpful and it has helped me out loads. I hope to contribute & assist other users like its aided me. Good job.

  57. Thanks for your tips on this blog. 1 thing I would choose to say is purchasing consumer electronics items on the Internet is certainly not new. In fact, in the past decades alone, the market for online electronic products has grown considerably. Today, you’ll find practically virtually any electronic gadget and tools on the Internet, which include cameras plus camcorders to computer parts and games consoles.

  58. Does your website have a contact page? I’m having trouble locating it but, I’d like to send you an email. I’ve got some ideas for your blog you might be interested in hearing. Either way, great blog and I look forward to seeing it develop over time.

  59. Yet another thing to mention is that an online business administration study course is designed for students to be able to smoothly proceed to bachelor degree courses. The 90 credit diploma meets the lower bachelor college degree requirements and when you earn your own associate of arts in BA online, you will possess access to the newest technologies in such a field. Some reasons why students need to get their associate degree in business is because they may be interested in this area and want to have the general knowledge necessary previous to jumping right into a bachelor diploma program. Thanks for the tips you provide inside your blog.

  60. I do not even know how I ended up here, but I thought this post was great. I don’t know who you are but certainly you’re going to a famous blogger if you are not already 😉 Cheers!

  61. Thanks for your write-up. One other thing is individual states have their unique laws in which affect homeowners, which makes it very difficult for the our lawmakers to come up with the latest set of rules concerning foreclosures on householders. The problem is that every state has own laws and regulations which may have impact in a negative manner in terms of foreclosure plans.

  62. hello!,I really like your writing very a lot! share we be in contact more approximately your article on AOL? I need an expert in this area to resolve my problem. Maybe that’s you! Taking a look ahead to peer you.

  63. Appreciating the dedication you put into your site and in depth information you present. It’s awesome to come across a blog every once in a while that isn’t the same outdated rehashed information. Wonderful read! I’ve saved your site and I’m adding your RSS feeds to my Google account.

  64. I have observed that wise real estate agents just about everywhere are Advertising and marketing. They are knowing that it’s not just placing a sign post in the front place. It’s really concerning building interactions with these traders who at some point will become buyers. So, after you give your time and energy to encouraging these dealers go it alone – the “Law associated with Reciprocity” kicks in. Good blog post.

  65. hello there and thank you for your information ? I?ve definitely picked up something new from right here. I did however expertise a few technical issues using this web site, as I experienced to reload the web site a lot of times previous to I could get it to load correctly. I had been wondering if your hosting is OK? Not that I am complaining, but slow loading instances times will sometimes affect your placement in google and could damage your high quality score if advertising and marketing with Adwords. Anyway I?m adding this RSS to my email and could look out for a lot more of your respective fascinating content. Ensure that you update this again soon..

  66. Wow! This can be one particular of the most helpful blogs We have ever arrive across on this subject. Actually Excellent. I’m also an expert in this topic so I can understand your effort.

  67. I would also like to add that if you do not already have got an insurance policy otherwise you do not take part in any group insurance, you will well take advantage of seeking aid from a health broker. Self-employed or people with medical conditions usually seek the help of one health insurance brokerage service. Thanks for your article.

  68. Thanks for your publication. One other thing is always that individual American states have their own laws in which affect house owners, which makes it quite difficult for the our lawmakers to come up with a fresh set of rules concerning foreclosure on homeowners. The problem is that each state has own regulations which may work in a negative manner on the subject of foreclosure insurance plans.

  69. Almanya’nın en iyi medyumu haluk hoca sayesinde sizlerde güven içerisinde çalışmalar yaptırabilirsiniz, 40 yıllık uzmanlık ve tecrübesi ile sizlere en iyi medyumluk hizmeti sunuyoruz.

  70. I have realized that of all varieties of insurance, health care insurance is the most dubious because of the clash between the insurance policy company’s obligation to remain afloat and the user’s need to have insurance policy. Insurance companies’ revenue on health plans have become low, consequently some organizations struggle to profit. Thanks for the strategies you talk about through this web site.

  71. Do you mind if I quote a few of your posts as long as I provide credit and sources back to your webpage? My blog is in the very same area of interest as yours and my visitors would definitely benefit from a lot of the information you present here. Please let me know if this ok with you. Regards!

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.