Últimas Notícias

Congresso da ABES: especialistas abordam os desafios do tratamento de esgotos no Brasil na terceira sessão especial

Universalização e atendimento a Legislação Ambiental nortearam o debate, que integra as atividades de aquecimento para o 31° Congresso da ABES que será realizado de 17 a 20 de outubro, de forma presencial, em Curitiba/PR, e online, em plataforma digital exclusiva. 

Por Equipe de Comunicação ABES

Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES realizou nesta terça-feira, 28 de setembro, por meio do programa ABES Conecta, o terceiro webinar de aquecimento para o Congresso da ABES 2021. A sessão especial reuniu especialistas para discutir “Os desafios do tratamento de esgoto no Brasil: Universalização e Atendimento a Legislação Ambiental”.

O webinar, que foi transmitido pelo canal da ABES no YouTube, teve moderação de Célia Rennó, diretora nacional da ABES para região sudeste. As palestras foram realizadas por Alexandre Araújo Godeiro Carlos, superintendente adjunto de Regulação e Serviços da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA); Marcelo Miki, coordenador adjunto da Câmara Temática da ABES de Tratamento de Esgoto; Marcos Von Sperling, professor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e André Lermontov, superintendente da Água do Brasil.

Alexandre Araújo falou sobre as atividades legais que ficaram a cargo da ANA (Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico), com os processos de elaboração das normas de referência e a regulação de serviços, após alteração no regimento interno ocorrida em julho deste ano. Marcelo Miki informou como se inicia um processo de licenciamento ambiental e um projeto de ETEs (Estação de Tratamento de Esgoto). Ele apresentou um modelo dos Estado Unidos. André Lermontov falou sobre a atuação do Grupo Águas do Brasil e fez uma projeção do valor de investimento financeiro, na casa R$ 750 bilhões, que seriam necessários para a universalização dos serviços de tratamento de esgoto no país. Marcos Von Sperling fez sua apresentação focando nos padrões de qualidade para os corpos de água e não nos padrões de lançamento.

Os participantes acreditam que o monitoramento, estudo detalhado dos locais, algumas revisões e o cumprimento das leis são fundamentais para se chegar à universalização do tratamento de esgoto no país, sempre respeitando as questões ambientais e investindo recursos de força sustentável e eficiente.

Veja as apresentações de Marcelo Miki: clique aqui, André Lermontov: clique aqui, Marcos Von Sperling: clique aqui.

O evento está disponível no canal da ABES no YouTube para quem quiser assistir ou rever (acesse aqui)

Este é mais um evento de aquecimento para o 31º Congresso da ABES, o mais importante encontro de saneamento ambiental do Brasil, que será realizado de 17 a 20 de outubro, de forma presencial, em Curitiba/PR, e também online, em plataforma digital exclusiva.  

As opiniões emitidas neste evento não exprimem, necessariamente, a visão da ABES. 

Próximas Sessões Especiais:  

Quarta-feira, 29 de setembro, Sessão 4: “Cidades Inteligentes e Sustentáveisl I – Cidades globais e os ODS 2030: parcerias e meios de implementação – II – Desafios da implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para promover cidades inteligentes e sustentáveis”. E no dia 30 de setembro, às 15h, a Sessão 5: “Novo Rio Pinheiros – novas tecnologias e soluções adotadas”. Todas as transmissões estão sendo feitas por meio do canal do YouTube da ABES.

ABES Conecta  

O evento faz parte do ABES Conecta, programa da ABES que disponibiliza conteúdo qualificado em webinares gratuitos e cursos pagos sobre os temas mais relevantes do setor de saneamento e meio ambiente. Já são mais de 300 mil visualizações nas transmissões. 

Clique aqui para conhecer nossas Câmaras Temáticas. Ainda não é um associado da ABES? Clique aqui e junte-se a nós! 

 

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: