Últimas Notícias

Sucesso! Veja como foi o 15º Seminário Nacional de Resíduos Sólidos; acesso disponível para os inscritos 

Todo o conteúdo dos três dias ficará disponível por 90 dias na plataforma do seminário.

Com o tema “Gestão de resíduos sólidos no Brasil: desafios e oportunidades frente ao Novo Marco Legal”, a 15ª edição do Seminário Nacional de Resíduos Sólidos aconteceu, entre os dias 16 e 18 de novembro, presencialmente, em Natal, e online, em plataforma exclusiva. Sucesso de realização, o evento reuniu diversos profissionais e especialistas de todo o país, que buscam a integração de conhecimentos e intercâmbio de experiências sobre a temática, com sessões de palestras, painéis e apresentação de cases exitosos. 

O evento é uma iniciativa da ABES – Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental, por meio da Seção Rio Grande do Norte (ABES-RN) e da Câmara Temática de Resíduos Sólidos.

Todo o conteúdo do seminário ficará disponível na plataforma do evento os inscritos por 90 dias. Acesse aqui e clique no botão REVEJA.

O seminário contemplou ainda um minicurso sobre “Cobrança pelo Manejo de Resíduos Sólidos” e visitas técnicas à Unidade de Tratamento de Resíduos CTR Potiguar e à COOCAMAR.

Lançamento do livro “A Política Nacional de Resíduos Sólidos e seus 10 anos de execução: balanço dos avanços e retrocessos”, organizado por Valéria Pereira Bastos e Ubirajara Aluizio de Oliveira Mattos – disponível aqui. 

O moderador do painel, Fábio Fonseca Figueiredo, aproveitou a oportunidade para divulgar o livro “Socioeconomia do Meio ambiente e Política Ambiental”, organizado por ele, por José Gomes Ferreira, e Raquel Maria da Costa Silveira (saiba mais aqui).

Veja também: entrevista com Régia Lopes, coordenadora do evento, e Josivan Cardoso, diretor executivo da ABES, à TV TROPICAL RN – Balanço Geral Manhã, com Alanzinho do Povo e RN no AR com Mara Godeiro. Assista aqui.

Participe! Seja o primeiro a comentar

Dicas, comentários e sugestões

Seu e-mail não será publicado.




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: